AS EMPRESAS PODEM SER RADIOGRAFADAS ?

Queremos primeiramente preparar ao leitor para lhe dizer que este artigo, de 19 que compõem nosso portal (website), é a leitura mais importante de todas.  É o passo inicial para melhorar a saúde das empresas, ou seja, aumentar seu Fluxo de Caixa (FC).  Para nós, é como construir um equipamento de precisão para medir a altura das montanhas e descobrir que existe uma, por poucos metros, mais alta que o Everest!

Comecemos.

Qual é o desafio que podemos ter como empresário ao estar frente a uma empresa que nos interessa?

Pare para pensar.  Não leia ainda a resposta.

Existem três possibilidades básicas.  Comprar, vender e gerenciar.  Se tivermos dinheiro suficiente, poderemos comprá-la; se somos os donos e queremos parar por ter outros planos ou porque ela produz pouco, poderemos vendê-la a outros interessados; e sendo donos, pelo menos estaremos obrigados a gerenciá-la; e finalmente se somos consultores de um empresário ou investidor, provavelmente teremos que avaliar primeiramente para saber seu Valor Justo e depois ajudar o empresário no caso de compra a dar início a um novo caminho para aumentar seu FC e consequentemente recuperá-la se as coisas andam mal, ou melhorar, se os ventos sopram a favor.

Mas antes de tomar uma dessas três decisões, o que deve-se fazer primeiramente?

A maioria dos consultores financeiros diria que o primeiro passo é avaliar como mencionamos no início.  Insistiriam que para uma forte proteção do empresário se deverá construir um FC esperado da empresa dos próximos anos (mais preciso seria até o infinito) e descontar esse FC a Valor Presente com uma Taxa Justa e equivalente ao risco que essa empresa opera no mercado. Esta explicação técnica, a mais simples que podemos apresentar, continua a ser pesada para leigos, mas podemos assegurar que ela é coerente e cumpre com os fundamentos financeiros.

Na realidade eles não estão longe da verdade. Antigamente nós como assessores financeiros pensávamos igual, até que em um milagroso dia descobrimos que todas as empresas sempre tem um taxímetro estampado na sua testa. E esse medidor, do verdadeiro potencial da riqueza da empresa, é o lucro real por um período de tempo.  Esse período de tempo é o histórico dos últimos meses de operação.  Nós preferimos os últimos 12 meses passando a ser chamado de Lucro Anual. Mas como é mais fácil a medição mensal, chamaremos a medição do mês de Lucro Mensal e somaremos o dos últimos 12 meses para ter o Lucro Anual.

Se vá comprar uma vaca leiteira, o usual é saber primeiramente a sua sua idade para ver durante aproximadamente quantos anos poderá ser explorada. O segundo passo é olhar sua saúde confirmando que sua produção esteja dentro de parâmetros conhecidos. Para isso se deverá saber, por exemplo, sua produção por hora, por dia, por mês ou anual. E com essa informação poderá ser avaliada para sua compra/venda. Consegue encontrar um parâmetro melhor que esse?

Estes indicadores de Lucro Mensal e Anual formam parte do grupo de ferramentas utilizadas nas Finanças Corporativas chamados de KPI (em inglês, Key Performance Indicator) Indicador-chave de Desempenho.  Os KPIs são usados para medir eficiências em várias áreas de uma empresa, como Vendas por Número de empregados, Ebitda por Juros pagos, Prazo médio de recebimento, Indices de Liquidez, Indices de Produção, etc.

Vamos demonstrar o porquê esses Lucro Mensal e Anual são os KPIs mais importantes do mundo empresarial.

Podemos iniciar dividindo todas as empresas em dois grandes grupos: as que estão bem e as que andam mal. E uma forma de saber em qual grupo você está é muito fácil.  Se na medida em que passa o tempo não se faz necessária a obtenção de empréstimos ou aportes de sócios, e você e sua família vivem bem e sem exageros, sem lugar a dúvidas a empresa estará andando bem.  Se pelo contrário, ela às vezes precisa de dinheiro de fora, seja de bancos, de aportes de sócios ou do mercado, significará claramente que a empresa é do grupo das que não vá bem ou você está tirando demais para seus gastos do que a empresa consegue produzir.

E agora vem a parte chave deste artigo.  Ao passar um pequeno tempo, digamos 3 dias por exemplo, a pergunta a se fazer é: "ganhamos ou perdemos dinheiro nesses 3 dias?".  Se ganharmos, perfeito, avançamos!  Se perdermos dinheiro, grave! estamos recuando nesses 3 dias!

Deve parar e reflexionar um pouco sobre o parágrafo anterior. Se ficou claro para você, pode pular este seguinte parágrafo.

Senão, veja este exemplo: imagine que é o capitão de um submarino com problemas de flutuação e você supõe que está a uns 100 metros da superfície do oceano Pacífico na região da fossa das Marianas cujo fundo está a 11 mil metros de profundidade. Seus indicadores de velocidade de mergulho/subida (submersão ou emersão) e de profundidade estão danificados, portanto você não sabe se está subindo, descendo ou ficando estável na mesma profundidade desses supostos 100 metros. Muito bem, suponha agora que um desses dois indicadores é o Lucro Mensal e você é o dono da empresa. Se ele diz que você está ganhando tanto por mês é como se nos avisa-se que estamos subindo, digamos 10 metros por hora, e aí você saberá que emergirá na superfície em 10 horas se sua suposição de estar a 100 metros da superficie era verdadeira. Mas se ele avisa que está perdendo dinheiro por mês, significará claramente que seu submarino está descendo, e estará realmente com problemas sérios de supervivência, mas terá tempo de buscar uma solução e salvar toda a tripulação.  Pensemos um pouco mais com calma sobre o assunto e continuemos.

Mas essa forma de medida é muito mais fácil de construir para 30 dias, e 30 dias é um pequeno tempo também na vida de uma empresa, portanto poderemos saber com certeza se tivemos um avanço ou recuo nesse novo período de 30 dias que estamos selecionando. Aqui a ideia é escolher um pequeno período suficiente de tempo para medir a perda ou ganho verdadeiro.

E é aí que entra a funcionar a ajuda do Lucro Mensal e Anual.  Se a maioria dos Lucros Mensais é negativa ou perto de zero, precisando continuamente de empréstimos, saberemos imediatamente que estaremos no caminho da falência.  Se são negativos decrescentes com viés de virar o jogo e passar a ser positivos, pouco a pouco deixará de precisar empréstimos, começará a liquidar eles, mostrando que existe a possibilidade de recuperação. Agora, se a maioria dos Lucros Mensais é positiva e o Lucro Anual também positivo, sem lugar a dúvidas que não será necessária a tomada de empréstimos, nos assegurando um futuro prometedor. E com isto, as três únicas possibilidades de futuro foram analisadas. Tem melhor diagnóstico que isso?

Não esqueça nunca que se precisar de empréstimos sem ter lucro suficiente para pagar eles e ganhar, você é dependente do banco. Agora, só é permitido no caso excepcional, tomar empréstimos por não ter cacife para determinados negócios, se tem lucro suficiente para pagar a ajuda do banco. E aí você aprendeu a utilizar a ajuda com inteligência.

Uma vez que o Lucro Mensal é calculado, ele nos avisa de como andamos e de como melhoramos ou pioramos quando comparamos vários meses.  Ele é um Raio-X que nos permite olhar o interior de uma empresa porque detecta se a situação está no caminho certo ou perigoso, e assim imediatamente podemos mudar algumas das nossas decisões diárias, ou solicitar conselho de uma consultoria competente.  No caso de solicitar ajuda externa é necessário verificar se a empresa de consultoria tem um histórico de sucesso.

O Lucro Mensal é parecido ao trabalho preventivo que as células T4 do sistema imunológico do corpo humano fazem ao avisar imediatamente qual tipo de doença começou a se reproduzir e nos atacar.  Aí o corpo tem tempo para reproduzir os soldados especializados que enfrentarão essa doença dando tempo suficiente para vencer a batalha e nos salvar. Infelizmente existe na natureza uma doença que contem um vírus que aniquila as T4.  Usando o Lucro Mensal damos o primeiro passo para anular este efeito letal das empresas.

Pode ser que você não precise desse Raio-X porque os saldos bancários crescem saudavelmente, mas é muito mais emocionante se você sabe em quanto aumenta seu patrimônio cada mês e puder traçar planos para seu futuro.

Vejamos exemplos: Se o Lucro Mensal for positivo constantemente, você poderá ampliar a empresa com maiores investimentos, repartir melhores dividendos, manter um voo de cruzeiro, sair de férias e o mais importante, dormir tranquilo/a.  Porem, se ele for negativo, você precisa mudar o rumo do barco e buscar mares mais seguros porque lhe garanto que você não conseguirá conciliar o sono.  A possibilidade de falência será alta se você não tomar melhores decisões ou buscar conselho.

Uma leitura complementar a este arquivo sem nada a perder, pelo contrário, uma enorme possibilidade séria de adquirir maior conhecimento sobre melhorar esse Lucro Mensal de sua empresa é que quando tiver tempo livre, tentar ler o arquivo Progresso ou Recuperação, o começo, descrito com 60 itens enumerados. São itens de fácil digestão que explicam com detalhe parte do que acontece com as pessoas, as empresas, os problemas e parte de uma nova tecnologia aplicada de resultados.  Ali encontrará o flagelo das empresas no item # 6.

O que mais tarde veremos, descritos em outros artigos, é que a longo prazo o Lucro Mensal e o FC do mês são quase a mesma coisa, e que calcular esse Lucro Mensal é o primeiro passo para iniciar uma metodologia para aumentar os lucros da empresa.  É fácil compreender que para verificar esse aumento você precisa saber o Lucro Mensal dos meses anteriores.  E isto representa conhecer a saúde do paciente que pode ser ótima ou estar comprometida.

Pelo poder de penetração desta ferramenta de medição chamada Lucro Mensal, descobrimos por poucos metros uma nova montanha maior que o Everest.  Se avaliar empresas (o Everest) era o mais importante do mundo empresarial segundo nosso ponto de vista, o início de aumentar o FC (novo cume mais alto) usando o FEC (Fluxo do Estado de Caixa, outra ferramenta neste caso de gestão, descrita no final, no artigo "Progresso ou Recuperação, o começo", item # 24) o seria ainda mais ao ser confirmado esse aumento usando esse Lucro Mensal.

Hoje sempre nos deparamos com empresas de diversas características, tamanhos, produtos e mercados em que operam, mas o que todas têm em comum é aquela tela gigante que aparece na frente delas.  Para iniciar um diagnóstico médico precisamos usar o estetoscópio, exámenes clínico, Raio-X, ou seja, seu Lucro Mensal, Anual ou também se preferir escolher outra "faixa temporal”. O mensal é uma fotografia real de um momento de 30 dias; a sequência de 12 meses, o filme, o anual. Também podemos dizer que é uma ferramenta excepcional para conhecer o interior verdadeiro da empresa.

Voltar para Progresso ou Recuperação, o começo

_____________________________

Isaac Hayon Sasson é Engenheiro Mecânico, Executive MBA, especializado em Finanças Corporativas, e consultor nas áreas de avaliação de empresas, projetos de engenharia, construção de fábricas e recuperação/melhora de empresas.

E-mail :  [email protected]   Portal :  www.valordeempresa.com


"Até um tolo pode mostrar genialidade e alguma coisa simples que saiba fazer e sirva. Portanto ninguém pode ficar sem emprego"